top of page
Buscar
  • Foto do escritorGenival Dantas

Orientação ainda é a melhor solução (18/03/2020)




Vivemos tempos de inópias não só física como moral além do estado de angústia solitária e ansiedade coletiva, a humanidade luta contra um inimigo comum, o que mais nos sufoca ultimamente que é o Coronavírus. Os meios de comunicações estão contaminados com esse termo, as pessoas já andam depressivas com tamanha carga de informações a respeito desse inimigo, o pior é que muitas informações são desencontradas e infundadas.


Dessa forma, baseado nesse fato procurei, como tinha prometido, informações mais objetivas que elucidassem o que efetivamente vem ocorrendo e o que pode ocorrer com essa situação de pânico. As informações são as mais diversas possíveis e contraditórias. Acredito que o melhor que temos a fazer é buscar nos situar nos fatos vindos do Poder oficial e relevar o oficioso para segundo plano na tentativa de errarmos menos. Vasculhei a imprensa escrita, busquei naqueles jornais, nos que ainda existem e circulam atualizações mais seguras e dignas de credibilidade, dentre eles aproveitei pesquisas do Jornal o Estado de São Paulo, para poder me orientar, vejamos o que de fato ocorre:


a) Do Governo Federal Executivo – muito embora o Presidente se encontre perdido entre acreditar ou não na profundidade da crise, através do seu Ministro da Saúde e equipe tem dado orientações precisas e objetivas procurando advertir no que é preciso, nos cuidados básicos e tomando medidas preventivas no sentido de minimizar o máximo os efeitos negativos da crise do ponto de vista da saúde pública;


b) Do Poder Legislativo – representado pelo Presidente do Senado Federal e do Presidente da Câmara Federal, Davi Alcolumbre e Rodrigo Maia, respectivamente, ambos se comportam como dois abestalhados e abilolados, pela inexperiência nos cargos, tentando suprir a ausência de ação do Executivo, criam situações de embate constante, o que é correspondido pelo próprio Presidente Jair Bolsonaro, o destrambelhado, criando um clina de desrespeito entre os Poderes, sem, entretanto, procurarem objetivamente trabalharem pela Nação que tanto espera dessas autoridades nesse momento de crise;


c) Dos Ministros e Ministérios comprometidos – não podemos negar que os Ministros da Saúde Luís Henrique Mandetta e da Economia Paulo Guedes, procuram contornar os problemas atuais dando a verdadeira dimensão do problema nacional e mundial. A saúde procurando colocar em operação hospitais, equipamentos e equipe humana tecnicamente operativa, respondendo aos anseios das comunidades mais carentes e apreensivas. O Paulo Guedes apresenta soluções financeiras em apoio aos mais afetados, dentre eles os idosos aposentados e pensionistas, com a liberação da primeira parcela do 13º salário para março próximo e da segunda parcela em abril; além disso, há uma preocupação com comerciantes, transportes aéreos e indústrias que estão sendo afetadas pelas medidas restritivas tomadas pelo Governo, ensaiam-se ajuda a esses segmentos de mercado para que não ocorra um colapso localizado;


d) Da população e suas incongruências – é aqui que paira o grande problema das autoridades, os idosos acima de 60 anos são os mais visados pelas suas características pelo avançado da idade e situações de doenças adquiridas com o tempo de vida e por ser assim, são os mais propícios de contaminação, portanto mais vulneráveis nos contatos humanos, não obstante, todos nós somos classificados como grupos de riscos, ficando crianças e adolescente com maior resistência pelas características próprias;


e) Dos governos Estaduais – principalmente dos Estados mais afetados, SP, RJ, Minas e os demais, procuram tomar providencias através de medidas estaduais sufocando reuniões, esportes, atos religiosos e outros que representem aglomerações e possam disseminar o Coronavírus e suas sequelas;


f) Dos Governos Municipais – há uma verdadeira corrente de solidariedade nos municípios, pois é lá que a população vive e são orientados e tratados nesse momento, aconselho que procurem orientações mais precisas e objetivas nos postos de saúde e UPAs, na tentativa de juntos podermos combater esse mal que nos aflige.


Dessa forma, aconselho ainda, busquem jornais de circulação ou mesmo na Net, tudo que possa levar conhecimentos sobre o assunto e tirar suas dúvidas que possam existir. Se quiser entrar no site do Jornal o Estado de São Paulo é o seguinte: meuestadao.com.br, lá você pode entrar na edição de domingo último, 15/03, nessa edição há um caderno especial com 115 informações para sua orientação. Sucesso.


Genival Torres Dantas

Poeta, escritor e Jornalista


2 visualizações0 comentário

留言


bottom of page