top of page
Buscar
  • Foto do escritorGenival Dantas

O homem poderoso é o que tem poderes sobre si mesmo

Atualizado: 23 de set. de 2019


Na maioria das vezes temos que reconhecer que a travessia de uma viagem torna-se mais importante que o seu ponto de partida e o objetivo, sua chegada. Esse pensamento tem sido seguido por muitos, principalmente quando as dificuldades de superação das tarefas ficam cada vez mais penosas em decorrência da ausência de entendimentos entre as correntes de políticas antagônicas e seus seguidores mais exaltados.


Não podemos negar que há grande interesse do Poder Executivo de contornar esse momento de polêmicas, distorções e discussões no entorno da formar de governar empreendida por Bolsonaro. Todos nós somos sabedores que há muito tempo perdido com pautas totalmente desconexas da nossa realidade, quando temos assuntos de suma importância nesse momento de gravidade econômica e política, somos tomados por temas que poderiam ser objetivo em outro tempo ou fase.


Outros assuntos que independem de ação direta do Presidente Bolsonaro se torna prioritário pelas circunstâncias emergenciais, caso específico do líder do governo no Senado, Senador Fernando Bezerra Coelho (MDB/PE), envolvido, juntamente com seu filho, Deputado Fernando Coelho Filho (DEM/PE), em assunto de corrupção, em outro momento, sendo que seu gabinete foi motivo de busca e apreensão, operação realizada por decisão do Ministro Luiz Roberto Barroso, Supremo Tribunal Federa (STF).


Esse fato gerou embate entre o Presidente do Senado Davi Alcolumbre (DEM/AP), e o Presidente do STF, Dias Toffoli, sobre a legalidade ou não da operação, esse é um assunto que os Poderes vão ter que resolver, conquanto o Poder Executivo vá ter que resolver a permanência do Senador Bezerra na sua liderança ou se o substitui por outro senador da sua tão frágil base de apoio.


Com as demandas acumuladas para soluções posteriores, mas com a mesma urgência, Presidente segue aos EUA quando fará dia 24 próximo, discurso na reunião na ONU, e o Brasil tem sido o primeiro País a abrir as reuniões nos últimos tempos. O fato é que há uma preocupação muito grande, não só dos brasileiros, mas dos nossos apoiadores, em razão da gravidade que está sendo tratadas as queimadas da Amazônia e a forma que vem sendo colocada pelo Presidente Bolsonaro. A questão não é apenas o assunto em si, porém a forma de defesa, que fará o nosso Presidente.


Torcemos para que a nossa defesa seja em caráter conciliador, fogo já chega a nossas matas, se assim ocorrer tenho certeza que o Brasil voltará como protagonista e apoiado por muitos Países que querem ajudar na recuperação das áreas atingidas, sem, entretanto, sermos penalizados na nossa soberania, e sairmos dessa pendenga de cabeça erguida como somos merecedores. Já disse Sêneca, início dos anos 50: “o homem poderoso é o que tem poderes sobre si mesmo”, espero que esse pensamento de paz se incorpore ao pensamento do Presidente Bolsonaro na hora da sua fala.


Outros assuntos de relevância aguarda o Presidente Bolsonaro quando do seu retorno, uma situação que precisa ser esclarecida é o uso de emendas em troca de apoio, aquilo que sempre foi uma bandeira do Bolsonaro, por mais que se diga que o que está ocorrendo agora, é outro tipo de negociação, fica difícil explicar o que de fato ocorre, principalmente nesse momento em que o Senado vai atuar na aprovação do novo Procurador Geral da República e a aprovação do Senador Eduardo Bolsonaro, filho do Presidente, para embaixador nos EUA. É esperar para ver.


Genival Torres Dantas

Poeta e Escritor

genivaldantasrp@gmail.com

2 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page