top of page
Buscar
  • Foto do escritorGenival Dantas

não é Iara, nem Sereia, nem mesmo Sirena é simplesmente Marcela.(10/04/2021)



O Fato Sem Politicagem 10/04/2021


Ela não fugiu dos sete mares, compostos pelos mistérios do Arábico Adriático, Cáspio,

O Golfo Pérsico, do Negro e Vermelho, ultrapassou a ficção árabe e europeia, é a sereia,

Quem sabe, Sirena, conhecida dos antigos marujos e do velho continente, por águas,


Quiçá, mornas, gélidas, translúcidas e barrentas; se fez autêntica, em todo seu percurso,

Da criança promissora aos dias de adolescente, se fez mulher por todos os pares admirada,

Pela sua astúcia, dedicação, luta e obsessão pela vitória se torna a mais fiel das guerreiras;


Agora, invejada pela sua sapiência e contumaz sagacidade vira objeto de ódio e repulsa,

Reza a lenda, impelido pelos desejos alheios e até a revolta familiar, seu pai tão amado,

Sem alternativa viável se viu obrigado a jogá-la nas águas e encontro do Negro e Solimões,


Salva pelos botos, da morte feroz, foi transformada no ser mitológico; encantadora e sedutora,

Leva para a profundeza das águas por todos os cantos e seus fãs se curvam ante seu canto,

Em várias línguas e culturas foi cantada em versos e prosas para paixão de muitos corações;


Novos tempos, novas invenções e histórias; como a vida imita a lenda e essa os fatos,

Surge no meu tempo uma mulher de tão aguerrida e consciente, não tendo a pele brejeira,

Era reconhecida pelos belos traços e corpo colorido pelo sol escaldante e o luar prateado,


Ela que desfilava, mesmo não sendo mais menina, enternecendo corações apaixonados,

Já mulher e mãe responsável, profissional da saúde; cuida da família e da sua leva,

De pacientes, mergulhada nas águas serenas das piscinas, que lotam pelo seu trabalho;


Os seus mais apaixonados seguidores os têm como a sereia da nossa era, como que lenda,

Até mesmo como diferencial nesses novos momentos de muita severidade pelo isolamento,

Somos todos castigados, pela necessidade premente, de nos mantermos distanciados,


Mesmo com todos os sacrifícios e incompreensão de muita gente e mentalidade distorcida,

Aparece como que milagre aquela de tantos feitos pela humanidade, de carisma lépido,

De jeito faceiro, não é Iara, nem Sereia, nem mesmo Sirena é simplesmente Marcela.


Genival Dantas

Poeta, Escritor e Jornalista






33 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page