top of page
Buscar
  • Foto do escritorGenival Dantas

Governar é solucionar problemas internos de uma Nação










Novo governo velhas práticas 11/02/2023




Inquestionavelmente essa forma de governar que o Lula da Silva tem desenvolvida nesse seu terceiro mandato é no mínimo desencontrada, o Brasil com tantos problemas de ordem administrativa, política e social, estamos vendo o presidente sobre um palanque eleitoral atirando para todos os lados, cujo objetivo fundamental é se manter em evidência e sair na frente de outros postulantes que venha a concorrer à presidência em 2026.


Outro fato que depõe contra o próprio presidente é essa mania de sair do nosso país levando, em sua bagagem, uma trouxa de roupas sujas para serem lavadas em público e em terras alheias, atitude de quem é muito pobre de espírito, problemas se resolvem em casa, discutindo com os envolvidos e preferencialmente no silêncio da noite para que não seja vazada nossas falhas e deficiências, além das mazelas que nos cerca no dia a dia.


O presidente Lula da Silva no afã de tentar mostrar os desmandos do governo Bolsonaro carrega a tiracolo um rosário de amargura, como seu único objetivo em pauta é o de jogar lama no ex-presidente, como se assim agindo conseguisse ficar em melhor posição junto à opinião pública, como quem quisesse se defender de um trauma provocado por alguém que lhe fez tanto mal, uma situação de fundo emocional que leva ao linear da loucura.


A viagem do Lula da Silva não foi a mais assertiva, os resultados não foram tão positivos como ele mesmo imaginava, não sei se o nosso presidente em ação esteja com algum problema de competência, o que se observa é a dificuldade que Lula da Silva tem demonstrado para se comunicar com uma plateia mais qualificada, provocando uma sensação de deslizes e objetividade quando nos momentos de concatenação das ideias expostas.


Uma das últimas propostas do presidente, Lula da Silva, de indicar a ex-presidente Dilma Rousseff, ao comando do Banco do BRICS, é no mínimo estarrecedor, não vou entrar no mérito de sua capacidade técnica administrativa, apenas não é recomendável indicar uma pessoa que sofreu impedimento no exercício da função, enquanto estava presidente da República do Brasil, conquanto sua moral ficou prejudicada pelos motivos alegados a tal propósito.


O Brasil é um país de quase 210 milhões de habitantes, temos muita gente qualificada para o exercício de muitas tarefas, testar o que já deu errado é teimosia, essa é uma característica da Esquerda, as oportunidades são sempre oferecidas aos seus camaradas mais diretos, refutando a participação de elementos que ainda não foram testados na sua competência e fidelidade partidária, limitando a poucas pessoas o atalho ao sucesso. Isso é um fato no mínimo estranho.




Genival Dantas

Poeta, Escritor e Jornalista












































1 visualização0 comentário

Kommentare


bottom of page