top of page
Buscar
  • Foto do escritorGenival Dantas

A leviandade é o apanágio dos corruptos(10/08/2020)


O minimalismo não é um projeto de vida a ser oferecido para o corruto, principalmente no que concernem as despesas e a ocupação de espaços com supérfluo, mormente os adquiridos de forma ilícita, primordialmente dessa forma. Apenas as atividades físicas são condizentes com o modus operandi, em se tratando de lazer, quando o assunto é trabalho o assunto causa alergia a esses desprezíveis seres humanos.

Há outro comportamento no corrupto é a ausência de circunspecção, esse aspecto o leva à falta de correção tornando-o perigoso na sua relação social em todas as circunstâncias e níveis, tanto na horizontal como na vertical, dessa forma, é de bom alvitre procurar distanciamento desse tipo de sujeito preponderantemente na política e seu entorno, temos mil razões e exemplos para nos sentirmos vigilante e atento nas investidas desse tipo de mau caráter.

Temos vivido uma fase de completa desolação quando tratamos dos novos seres humanos, aqueles que fazem parte da nossa geração e seus antepassados, nos sentimos sufocados com a presença dos desmandos causados por pessoas sem nenhum escrúpulo ou sentimento de humanidade quando o assunto é o lucro fácil e imediato, as consequências não são medidas nem ponderadas, nesse momento de consternação dos que sofrem com o alcance do Coronavírus, a insensatez humana chega a ser repugnante, vejamos os fatos:

· 100 mil mortes pelo Coronavírus – mesmo com a morte de mais de 100 mil vítimas dos três milhões de infectados, não somos surpreendidos, pois já sabemos do mau caráter do ser humano, temos verificado que os aproveitadores da boa fé de muitos, alguns usam o momento de desequilíbrio, ou até mesmo descuido, para aplicar golpes baixos já tão conhecidos no meio empresarial e no mercado médico hospitalar;

Essa prática consiste em vender produtos sobrefaturados, se aproveitando da falta de alguns materiais no mercado, tanto os nacionais como os importados, o mais triste, muitas vezes esses elementos contam com a conivência dos próprios compradores para benefício de uma comissão no volume adquirido. É importante frisar, esse comportamento é crime tanto para quem vende como para quem compra, além de ser um negócio ilícito é imoral e condenável;

· Compra de apoio político dentro do Congresso Nacional - esse tipo de atividade é exercido faz muito tempo, ele vem sendo recorrente bem antes dos governos do petismo, entretanto foi nesse desgoverno corrupto que os casos foram apresentados de forma corriqueira e desavergonhadamente, chegando ao limite da descompostura, quando uma ala dentro do Congresso Nacional, Câmara Federal, ficou conhecida como centrão.

Esse bloco suprapartidário permanece em evidência, tanto é que o atual governo do Jair Bolsonaro, nos últimos tempos, tem procurado o apoio desses parlamentares no sentido de se manter no cargo ao custo de outros cargos em troca de governabilidade. Mesmo com o racha dentro desses apoiadores de conveniência não há a menor iniciativa por parte da oposição ou de alguma autoridade da República que tente repudiar, ou mesmo manter uma censura, parece até um fato normal dentro da Democracia;

· Desmatamento na Amazônia – além do desmatamento contínuo e predatório da Amazônia temos as queimadas criminosas do pantanal, são práticas que depõem contra nosso ecossistema, não só prejudicando nossas matas e rios como prejudicam nosso agronegócio junto ao mercado internacional, hoje o Brasil é o maior produtor de grãos do mundo e nos vemos cercados por financiadores da preservação do meio ambiente tentando sair dos incentivos que nos dão, financeiramente, até mesmo empresários brasileiros se lançaram na luta em pró da preservação das nossas matas, muito embora tenhamos um governo que nada ajuda nesse sentido;

Nosso vice-presidente teve encontro com empresários todos defensores do combate ao desmatamento da Amazônia, sem os devidos resultados práticos, já decorreram 30 dias e já há a confirmação de outra rodada de negociação com o poder público com nova tentativa de resolvermos as questões pendentes, embasadas na crise do comércio exterior, pois corremos o risco de sermos barrados em novas rodadas comerciais com o nosso agronegócio, caso o Brasil não mude sua postura e comportamento com o meio ambiente seremos prejudicados e superados por outros países que buscam suprir esse vácuo que o Brasil vem permitindo nesse mercado;

· Auxílio emergencial de R$ 600 – o presidente Jair Bolsonaro e o ministro da economia Paulo Guedes têm repetido que não há espaço financeiro para continuar pagando o auxílio emergencial de R$ 600, por mais novo período até o final do ano, ou seja, até dezembro. Existe a possibilidade de estender o prazo desde que seja de um valor menor, cita-se até o valor de R$ 200. O Congresso Nacional pensa diferente e tenta manter o mesmo valor pago até agora e pelo novo período.

Essa iniciativa do governo em conjunto com o Congresso inicialmente teve várias tentativas de fraudes, muita gente tendo recebido indevidamente o valores que eram destinados para os efetivamente necessitados, porém os corruptos e desonestos burlaram a segurança do sistema e conseguiram, em muitos casos, o devido êxito. Há cobrança em andamento para restituição dos valores pagos indevidamente.

Esse é o Brasil que temos, enquanto alguns brasileiros procuram viver dentro dos seus limites e conforme o que sua honestidade lhe proporciona, há outros que tentam lucrar fazendo uso do patrimônio alheio e muitas vezes da boa fé da nossa gente.

Genival Dantas

Poeta, Escritor e Jornalista

Genival Dantas

Poeta, Escritor e Jornalista




2 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page